terça-feira, 2 de setembro de 2008

Que medalha você vai ganhar?


Durante as olimpíadas vários atletas foram premiados com medalhas que simbolizavam a vitória depois de uma luta, dedicando tempo, esforço físico, disciplina, recursos, etc. Nos tempos do Novo Testamento também havia jogos esportivos, e os vencedores eram premiados não com medalhas, mas com coroas, que eram grinaldas ou guirlandas feitas de ramos de oliveira. Receber uma destas coroas era a principal honraria que um grego aspirava. A medalha de ouro de hoje era a coroa de antigamente. O objeto mudou, mas o significado é o mesmo. A medalha de hoje coroa a vitória do atleta, da mesma forma que a coroa de louros da antiguidade apontava e honrava o vencedor.

O Novo Testamento usa a palavra “coroa” como metáfora para o prêmio que os filhos de Deus receberão. A vida cristã é considerada uma carreira, uma competição, que é colocada diante de nós (Hb 12.1). A vida de obediência a Deus é comparada ao exercício físico, sendo que este tem proveito apenas para esta vida, e a piedade para esta e para a vida eterna (1 Tm 4.8). Da mesma forma que havia premiação para os vencedores dos jogos, também haverá para os fiéis a Deus. Como será esta coroa concedida aos vitoriosos na corrida cristã? Que medalhas irão ganhar?

Será uma coroa de justiça. Em 2 Tm 4.7,8 Paulo diz: Combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé.Já agora a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, reto juiz, me dará naquele Dia; e não somente a mim, mas também a todos quantos amam a sua vinda. Ele tem competido bem no jogo da vida cristã, e que chegou ao fim da corrida, guardando as regras da competição. Por isto ele espera receber a coroa da justiça. A coroa de justiça é a declaração da parte de Jesus, o Justo Juiz, de que seus seguidores não devem ser condenados, mas justificados, perdoados, por que Ele já pagou a penalidade de seus pecados na cruz (Rm 1.17; 45). No final de uma vida na qual sofreu várias injustiças, Paulo seria declarado justificado. Ele diz que esta coroa será dada não apenas a ele, mas a todos quantos amam o aparecimento de Jesus, aqueles que devotam suas vidas em competir pela Pessoa e obra de Jesus.

Será uma coroa de vida. Tiago 1.12 Bem-aventurado o homem que suporta, com perseverança, a provação; porque, depois de ter sido aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor prometeu aos que o amam. Aqui temos a bênção de perseverar durante a prova, porque depois de passar no teste, ser aprovado, a pessoa irá receber a coroa da vida. Ficar firme durante as provações e tentações da vida é uma demonstração de amor para com Deus. Como o homem recusa a sedução de outra mulher porque ama a sua esposa. Resistir à tentação é mostrar que nosso amor por Deus é autêntico e genuíno. Deus tem anunciado que todos os que O amam receberão a vida eterna como prêmio. Esta é a coroa da vida.

Em Apocalipse 2.10 é dito a Igreja de Esmirna: Não temas as coisas que tens de sofrer. Eis que o diabo está para lançar em prisão alguns dentre vós, para serdes postos à prova, e tereis tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida. Esta igreja deveria ficar firme durante as provações e tribulações que viriam, pois aquele que fica fiel até a morte recebe a coroa da vida. Quem permanece fiel a Cristo, mesmo morrendo, recebe a vida eterna como premio (Mt 10.39).

Será uma coroa de glória. Ora, logo que o Supremo Pastor se manifestar, recebereis a imarcescível coroa da glória. 1 Pd 5.3, falando a pastores que enfrentavam sofrimentos junto com outros crentes, Pedro os exorta a cuidarem do rebanho de Deus da forma correta, e eles receberiam do Supremo Pastor a coroa de glória. Esta seria uma coroa imarcescível, feita de folhas que não murcham. Seria o reconhecimento eterno de Deus pelo trabalho realizado. A glória é o ouvir de Deus “muito bem servo bom e fiel” (Mt 25.23). Nenhum pódio do mundo pode dar uma glória que pelo menos chegue aos pés desta.

Será uma coroa incorruptível. Não sabeis vós que os que correm no estádio, todos, na verdade, correm, mas um só leva o prêmio? Correi de tal maneira que o alcanceis.Todo atleta em tudo se domina; aqueles, para alcançar uma coroa corruptível; nós, porém, a incorruptível. Em 1 Co 9.24,25 Paulo compara novamente a vida cristã a uma competição atlética. Um atleta dos jogos ganhava o prêmio, que era uma coroa corruptível, feita de folhas que iriam murchar e ser jogada fora. Mas aquele que está firme na corrida cristã vai receber uma coroa que nunca vai murchar, nunca vai se acabar.

Será uma coroa em forma de pessoas. Portanto, meus irmãos, amados e mui saudosos, minha alegria e coroa, sim, amados, permanecei, deste modo, firmes no Senhor. Em Filipenses 4.1, Paulo se dirige aos irmãos da Igreja em Filipos e os chama de sua alegria e coroa. A mesma idéia é dita aos crentes de Tessalônica (1 Ts 2.19 - Pois quem é a nossa esperança, ou alegria, ou coroa em que exultamos, na presença de nosso Senhor Jesus em sua vinda? Não sois vós?), eles eram sua coroa, seu motivo de orgulho diante de Jesus. Para Paulo, as medalhas que levaria desta vida eram as pessoas salvas e edificadas através de seu trabalho para Deus. Paulo apresentaria estas pessoas a Deus, da mesma forma que os vinte e quatro anciãos que adoram a Deus diante do trono lançam suas coroas aos pés do trono (Apocalipse 4.10), reconhecendo que todo mérito é de Deus.

Estamos numa olimpíada de vida ou morte. Competindo por medalhas eternas. Perseverando em seguir a Jesus Jesus receberemos as medalhas da justiça e da vida. Trabalhando para que outras pessoas sejam edificadas na fé receberemos a medalha da glória. Conduzir pessoas a Cristo, trabalhar para que elas fiquem firmes na fé, é concorrer a medalhas eternas, que serão apresentadas diante do trono de Deus.

Quais medalhas nós iremos ganhar?

Um comentário:

Antonio disse...

MARAVILHOSA E MUITO PROFUNDA ESTA MENSAGEM.

DEUS TE ABENÇOE, E TE GUARDE.
Abraços.
AntonioTavares.