sábado, 25 de dezembro de 2010

SUPREMOS VOTOS DE FELIZ NATAL


Um dos significados para a palavra “voto” é expectativa ou desejo íntimo, e sua manifestação”. Isto quer dizer que quando expressamos nossos votos a alguém, estamos manifestando o que sinceramente esperamos que aconteça na vida daquela pessoa. É comum na época do Natal desejarmos um “Feliz Natal” às pessoas que nos rodeiam. Às vezes estamos apenas cumprindo uma formalidade, mas em outras estamos sendo sinceros e expressando nosso desejo e esperança de que elas tenham um natal feliz.

Mas o que este voto de fato quer dizer? Estamos apenas desejando que elas desfrutem de felicidade no dia do natal? Que as comemorações do natal sejam alegres? Penso que a maioria de nós está esperando mais do que isso. Queremos que estas pessoas sejam felizes não apenas nesse dia, mas durante toda a sua vida. Outras características do Natal comprovam isso.

Presentes são uma das marcas do Natal. Quando presenteamos estamos demonstrando nosso desejo de tornar as pessoas mais felizes através de nossa doação. No Natal também temos as confraternizações, com elas está o desejo de desfrutar de uma comunhão e amizades alegres, e assim expressamos que somos felizes com aquelas pessoas. Comida e bebida são outras marcas do Natal, elas manifestam fartura, e estar farto é outro ingrediente da felicidade, já que escassez tende a roubar a alegria. A iluminação é um dos aspectos favoritos nas decorações natalinas, e a luz é símbolo de alegria, estar iluminado é estar feliz. No Natal queremos a paz, pois sem ela ninguém é feliz, já que guerras, contendas e inimizades tornam as pessoas tristes. Enfim, o Natal é um tempo de festas, e só festejamos o que nos alegra, só celebramos o que nos faz felizes.

Todos estes aspectos são apropriados ao Natal. Pois no primeiro Natal, Deus nos deu o maior Presente: o Seu Filho, Jesus Cristo, para ser o nosso Salvador (João 3.16). No primeiro Natal ocorreu a maior Confraternização da história: Deus tornou-se homem, divindade e humanidade foram unidas numa só Pessoa, Jesus Cristo, o Deus-homem (Jo 1.14). Por isso o nome de Emanuel, Deus conosco (Mateus 1.23), sendo Ele foi habilitado para ser o Único Mediador entre Deus e os homens (1 Timóteo 2.5). Também naquele primeiro Natal o Pão da Vida e a Água da Vida foram enviados do Céu, para matar a nossa fome e sede espiritual, saciando-nos por toda a eternidade, através de Jesus Cristo (João 6.35). A Luz veio ao mundo no primeiro Natal, para iluminar os que estavam nas trevas, salvando da escuridão do pecado e das trevas da condenação (João 8.12). O Natal foi a ação divina para enviar ao mundo o Príncipe da Paz, trazendo a paz aos homens sobre os quais Deus havia manifestado o Seu favor (Isaías 9.6,7; Efésios 2.14). Os céus fizeram Festa naquele primeiro Natal, e proclamaram as notícias de grande alegria, pois o Salvador havia nascido, trazendo glória a Deus, e alegria aos homens (Lucas 2.13,14).

Por isso, nossos votos são que neste Natal:

- você receba o SUPREMO presente, Jesus Cristo, e assim se torne um Filho de Deus (João 1.12). Este presente é supremo, pois é apenas com Ele que os outros presentes ganham sentido, e somente este Presente apaga o nosso passado, e garante o nosso futuro.

- você participe da SUPREMA CONFRATERNIZAÇÃO, a comunhão com Deus através de Jesus. Esta comunhão é suprema, pois foi Jesus que nos aproximou de Deus, dando-nos acesso ao Pai através do Espírito Santo, e fez de nós membros da família de Deus (Efésios 2.12,13,18,19). Sem esta comunhão nenhuma outra confraternização vale à pena (1 João 1.3,7).

- você se alimente do SUPREMO ALIMENTO o Pão da Vida (João 6.48). Este alimento é supremo, pois todos os outros perecem, menos esse, que foi o que desceu do céu e dá vida ao mundo, quem Dele se alimenta não morrerá eternamente (João 6.27,33, 48-51).

-você prove da SUPREMA BEBIDA, que vem da Videira Verdadeira, o sacrifício de Cristo, que dá vida eterna (João 15.1;6.56). Esta bebida é suprema, pois todas as outras não saciam para sempre, mas Jesus torna-se uma fonte que jorra para a vida eterna (João 4.10,13,14).

- você caminhe na SUPREMA LUZ, enviada ao mundo para salvar você (João 8.12). Esta Luz é suprema, pois todas as outras luzes dependem dela (João 1.9), quem crê Nele não fica nas trevas (João 12.46)

- você desfrute da SUPREMA PAZ, aquela que se tem com Deus, através de Jesus. Esta paz é suprema porque afasta de nós toda a condenação (Romanos 5.1), e nos reconcilia com Deus (1 Co 5.19).

- você participe da SUPREMA FESTA, aquela que começa no céu quando um pecador se arrepende (Lucas 15.7,10). Esta festa é suprema porque se perpetuará por toda a eternidade no Reino de Deus (Mateus 8.11).

Pois só assim os votos de Feliz Natal serão transformados num natal feliz.


Um comentário:

Pr. Brilhante disse...

Amado irmão, Que Deus continue te abençoando com sua graça, para que muitos possam através da leitura desse texto, conhecer o grande presente de Deus. São meus sinceros votos. Pr. Brilhante.