terça-feira, 7 de janeiro de 2014

DEUS SE AGRADA EM LEVAR PARA SI, OS QUE VIVEM AGRADANDO-O AQUI.



Quando lemos Gênesis 5.22-24 notamos duas mudanças no padrão narrativo do capítulo. Ao invés de falar que Enoque viveu tantos anos, como faz quando trata  dos outros personagens, o escritor nos diz que "Enoque andou com Deus trezentos anos". A expressão  "andar com", da mesma forma que aparece aqui, só volta a surgir em 1 Sm 25.15, quando se refere aos homens de Davi convivendo e conversando, isto é, mantendo um relacionamento cordial e cooperativo, com os pastores de Nabal. Isto nos indica que Enoque mantinha uma íntima comunhão com Deus, dirigindo sua vida em devoção e piedade.  O autor de Hebreus (11.5) nos diz que ele viveu de maneira que agradou a Deus. Isto é andar com Deus: ter uma vida que dá prazer a Ele.  

A segunda mudança é que o autor não diz que Enoque morreu, como os outros personagens, mas que Deus o tomou para si. O destino final daqueles que andam com Deus, que vivem para agrada-Lo, não é a morte, mas continuar vivendo com Deus depois que partem daqui. 

3 comentários:

Darlene Kids disse...

Amo a história de Enoque porque me faz refletir se realmente estou andando com Deus. Ótima meditação pastor Almir. Em breve estarei lendo o livro que o senhor publicou.

Prof Jeraldo disse...

Meu amado Professor, acho Noé se qualifica nisso também. Veja Gen. 6:9 ["Noé andava com Deus"] que também é um Hithpael do mesmo verbo.

Almir Marcolino Tavares, disse...

Prezado Prof Jerald, a forma que eu disse aparece somente em 1 Sm e o verbo no Hithpael com a partícula "et"
.